Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Contratos futuros do açúcar iniciam a semana em baixa
Publicado em 22/09/2020 às 08h27
Foto Notícia
Os contratos futuros do açúcar iniciaram a semana em baixa nas bolsas internacionais, pressionados pela queda nos preços do petróleo, valorização do dólar, e pelas perdas nos mercados acionários em todo o mundo com os temores sobre os impactos de uma nova onda de coronavírus na Europa.

No vencimento outubro/20 da bolsa de Nova York, o açúcar bruto foi negociado ontem (21) em 12.55 centavos de dólar por libra-peso, queda de 22 pontos no comparativo com os preços praticados na sexta-feira. Já a tela para março/21 fechou desvalorizada 25 pontos, negociada em 13.13 cts/lb. Os demais vencimentos derreteram entre 16 e 26 pontos.

Em Londres o açúcar branco também fechou em baixa, negociado, no vencimento dezembro/20 em US$ 366,80 a tonelada, desvalorização de 4,70 dólares. Já a tela para março/21 foi comercializada em US$ 367,40 a tonelada, redução de 4,50 dólares no comparativo com a véspera. As demais telas caíram entre 4,10 e 4,50 dólares a tonelada.


Mercado doméstico

No mercado interno o açúcar cristal medido pelo Cepea/Esalq, da USP, também iniciou a semana em baixa, negociado nesta segunda-feira em R$ 86,07 a saca de 50 quilos, desvalorização de 0,99% no comparativo com os preços de sexta (18).

Etanol diário

O etanol hidratado iniciou a semana em alta no indicador Esalq/BM&F Bovespa, Posto Paulínia. Ontem, o biocombustível foi negociado em R$ 1.859,00 o metro cúbico, 0,24% a mais quando comparado aos preços da véspera. Esta foi a quinta alta seguida do etanol hidratado no indicador.
Rogério Mian
Fonte: Agência UDOP de Notícias
Copyright© 2008 - UDOP.
Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução, desde que citada a fonte.