UDOP - União Nacional da Bioenergia

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Diversas Aumentar a letra    Diminuir a letra
IBGE: safra 2019 de milho será de 95,3 milhões de t, alta de 17,1% ante 2018  

11/07/2019 - A safra de milho de 2019 deve totalizar 95,3 milhões de toneladas, alta de 17,1% em relação ao resultado de 2018. Os dados são do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola de junho, divulgado hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação à estimativa de maio, a produção de milho cresceu 1,3%, o que representa 1,2 milhão de toneladas a mais.

Na 1ª safra de milho, a estimativa da produção alcançou 26,0 milhões de toneladas, acréscimo de 0,2% em relação a maio. "Em Goiás e no Paraná, a produção foi estimada com crescimentos de 3,9% e 0,2%, respectivamente. Em relação ao ano anterior, a estimativa da produção foi 0,8% maior", diz a nota divulgada pelo IBGE.

A estimativa da produção para o milho de segunda safra encontra-se em 69,3 milhões de toneladas, aumento de 1,7% em relação a estimativa de maio e de 24,7% em relação a 2018. Segundo o IBGE, esse volume de produção de milho 2ª safra é recorde da série histórica, ultrapassando a safra de 2017, até então, a maior produção obtida pelo País, quando registrou 67,6 milhões de toneladas.

Já a produção de soja em 2019 encerrou a safra com 112,5 milhões de toneladas, na estimativa de junho do IBGE. É uma queda de 4,5% em relação ao resultado de 2018. Em relação à estimativa de maio, houve aumento de 0,1%.

Segundo o IBGE, as reduções mais expressivas na produção de soja ante 2018 ocorreram na Bahia (-20,9% ou 1,3 milhão de toneladas), Minas Gerais (-7,3% ou 395,0 mil toneladas), São Paulo (-11,5% ou 393,1 mil toneladas), Paraná (-15,8% ou 3,0 milhões de toneladas), Mato Grosso do Sul (-14,5% ou 1,4 milhão de toneladas) e Goiás (-4,0% ou 455,1 mil toneladas).

Na contramão, houve "aumentos relevantes nas produções do Mato Grosso (1,5% ou 460,2 mil toneladas) e do Rio Grande do Sul (5,5% ou 958,7 mil toneladas)", informou o IBGE.

Vinicius Neder
Fonte: Broadcast Agro
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
23/10/19 - Grãos/Paraná: Deral reafirma safra de soja 2019/20 levemente maior; área com milho é 6% menor
  - Plantio da safra 2019/20 de soja no MS avança para 12,4% da área
  - Plantio da soja no Maranhão avança conforme o esperado e Aprosoja projeta aumento na produtividade
  - Deral indica que milho verão já está 88% plantado no Paraná
  - Syngenta quer recuperar 1 milhão de hectares degradados no cerrado em cinco anos
  - Arrendamento faz custo de produção do milho subir no MT
  - Unem projeta crescimento do etanol de milho no Brasil para ir de 5 até 20% da participação no
  biocombustível nacional
  - Milho: quarta-feira começa com poucas movimentações na Bolsa de Chicago
18/10/19 - RS inicia o plantio da safra 2019/20 de soja
  - Plantio da safra 2019/20 de milho no RS atinge 68% da área
17/10/19 - Plantio da safra 2019/20 de soja no MS chega a 5,3% da área estimada
15/10/19 - Plantio da safra de soja 2019/20 no MT avança para 18,78% da área
10/10/19 - IBGE: safra 2019 será de 240,7 mi de toneladas (+6,3% ante 2018)
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
IBGE: safra 2019 de milho será de 95,3 milhões de t, alta de 17,1% ante 2018
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: