Terça-feira, 16 de outubro de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Combustíveis Fósseis Aumentar a letra    Diminuir a letra
IEA diz que calmaria no mercado de petróleo pode durar pouco  

10/08/2018 - Os mercados de petróleo entraram em um breve período de calma, mas uma tempestade pode estar se aproximando ainda neste ano, já que novas sanções norte-americanas estão prestes a reduzir o fornecimento iraniano, afirmou a Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) nesta sexta-feira.

"O recente esfriamento do mercado, com alívio na tensão sobre a oferta de curto prazo, preços atualmente mais baixos e menor crescimento da demanda, pode não durar", disse a IEA, que supervisiona as políticas energéticas das nações industrializadas, em um relatório mensal.

Os preços do petróleo subiram para perto de 80 dólares por barril, o maior nível desde 2014, devido a preocupações com problemas de oferta, mas cederam nas últimas semanas, quando a Líbia retomou parte da produção e Washington sinalizou que poderia dar aos compradores asiáticos de petróleo iraniano algumas exceções nas sanções para o ano que vem.

No entanto, os Estados Unidos disseram que ainda estão tentando forçar os clientes do petróleo iraniano a parar completamente suas compras do país no longo prazo.

O Irã é o terceiro maior produtor da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), com uma produção de cerca de 4 milhões de barris por dia (bpd), ou 4 por cento da oferta global.

"À medida que as sanções contra o Irã entrarem em vigor, talvez em combinação com problemas de produção em outros lugares, a manutenção da oferta global pode ser muito desafiadora", disse a IEA.

A Arábia Saudita, arqui-inimiga do Irã e aliado próximo de Washington, prometeu uma intervenção para evitar qualquer escassez de oferta.

A Arábia Saudita está produzindo cerca de 10,4 milhões de bpd e poderia, em teoria, aumentar a produção para acima de 12 milhões de bpd.

Esse movimento, no entanto, deixaria o mundo praticamente sem capacidade ociosa para compensar eventuais problemas na produção de países como Líbia, Venezuela e Nigéria.

"Assim, a perspectiva é que o mercado pode ficar bem menos calmo do que está hoje", disse a IEA.

Dmitry Zhdannikov
Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
16/10/18 - Shell: ponto de equilíbrio dos projetos deve ser inferior a US$ 30 por barril
  - Disputa eleitoral não sugere ameaças ao setor de óleo e gás, diz diretor-geral da ANP
  - Chineses terão 20% de refinaria do Comperj, diz Petrobras
  - Petróleo opera em queda com possível aumento da oferta de grandes produtores
15/10/18 - Petroleira espanhola Cepsa adia IPO por incertezas nos mercados
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
IEA diz que calmaria no mercado de petróleo pode durar pouco
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário UDOP de Inovação
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/