Quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019
:
EDITORIAS
Agncia UDOP | Acar | Biodiesel | Cana-de-Acar | Combustveis Fsseis | Diversas | Economia
Energia | Espao Datagro | Etanol | Frum de Articulistas | Opinio | TV UDOP | ltimas Notcias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Preos de produtos agropecurios devem se manter em baixa, diz FAO  

05/07/2018 - O ritmo de crescimento da demanda global por alimentos e commodities agrcolas est se enfraquecendo, ao passo que o setor agrcola como um todo continua conquistando importantes e contnuos ganhos de produtividade. Como consequncia, os preos dos principais produtos agrcolas e pecurios no mundo devem se manter em nvel relativamente baixo na prxima dcada. A avaliao da Organizao das Naes Unidas para Agricultura e Alimentao (FAO) e da Organizao para Cooperao e Desenvolvimento Econmico (OCDE), em relatrio sobre as perspectivas entre 2018 e 2027, apresentado na noite de tera-feira (3/7) em Paris.

A demanda nas principais economias emergentes um dos fatores que mais pesam sobre o ritmo global, verificou o levantamento, com a estagnao do consumo de alimentos bsicos. Nesse quesito, o destaque fica com a demanda da China, que d sinais de desacelerao, aps forte expanso na ltima dcada, sustentada pela melhora da renda. Outro fator que influncia negativamente o apetite global por alimentos o crescimento populacional mais moderado no mundo.

O cenrio, enquanto isso, no apresenta fontes alternativas para compensar o enfraquecimento da demanda. O aumento da produo em 2017 foi verificado em praticamente todas as culturas, atingindo nveis recordes para a maioria dos gros e cereais, carnes e lcteos. Ao mesmo tempo, os estoques acumularam patamares jamais vistos.

Na prxima dcada, a produo agrcola global deve ter um crescimento de 20%, ainda que regies em desenvolvimento e com crescimento populacional maior devam puxar o ritmo para cima. o caso de regies como a frica Subsaariana, Leste Asitico, Oriente Mdio e o norte da frica. Em contrapartida, o relatrio aponta que o ritmo em regies desenvolvidas, como na Europa Ocidental, deve ser "muito mais fraco".

A desacelerao da demanda por carnes deve "colocar um freio na demanda por cereais e protenas utilizadas em rao animal", diz o relatrio.O comrcio internacional, por sua vez, dever sofrer o impacto da desacelerao. A projeo da FAO e da OCDE de queda de cerca de 50% no ritmo de expanso das exportaes na prxima dcada, em comparao ao verificado nos ltimos dez anos.


Brasil

Muitas vezes tratado como celeiro do mundo, o Brasil continuar protagonista na produo e fornecimento de alimentos ao resto do mundo, aponta o levantamento. No caso da soja, o Pas continuar dividindo a maior fatia do mercado com os Estados Unidos. O relatrio prev, ainda, que o milho brasileiro deve ganhar mercado. "As exportaes de soja, outras sementes oleaginosas e de farelo de protena seguiro dominadas pelas Amricas. Os preos devero aumentar ligeiramente em termos nominais ao longo do perodo de previso, com ligeiros declnios em termos reais", diz o documento.

J no caso do acar, as projees indicam que o crescimento da produo se dar "em ritmo mais lento do que na dcada anterior". O Brasil continuar como o maior produtor global de acar, assim como dever concentrar 45% das exportaes globais. "A demanda por adoantes calricos deve crescer a um ritmo mais rpido do que outras commodities", diz a FAO/OCDE.

O relatrio aponta que os preos globais do biodiesel e do etanol devero diminuir, respectivamente, 14% e 8% em termos reais na prxima dcada. "No entanto, a evoluo dos mercados de etanol e biodiesel continuar sendo moldada pela definio de polticas e pela demanda por combustvel para transporte, o que implica considervel incerteza nessas projees", pondera.

O Brasil pode perder market share na prxima dcada, de 90% para 88%, em virtude do aumento da produo na sia. No segmento de carnes, as entidades projetam crescimento de 15% da produo em 2027, em comparao com 2018. A alta do consumo de protena animal deve ser liderada por pases em desenvolvimento, com peso de 76% do crescimento.

"Consumidores em pases em desenvolvimento devem aumentar e diversificar o consumo de carnes, buscando opes mais caras como carne bovina e de carneiro", diz o relatrio. Em 2027, as vendas internacionais de Brasil e Estados Unidos, os principais exportadores de protena animal do mundo, devem corresponder a 45% do total.

04/07/18
Fonte: Estado Contedo
Texto extrado da revista Globo Rural
Notcias de outros veculos so oferecidas como mera prestao de servio
e no refletem necessariamente a viso da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notcias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notcias Relacionadas
20/02/19 - Datagro prev exportaes menores do complexo soja em 2019
  - Governo quer rever acordo que faz Brasil pagar mais que Paraguai pela energia de Itaipu
  - Ibovespa avana com expectativa sobre reforma da Previdncia
  - Tereza Cristina cobra ateno de Guedes para agronegcio e elogia Salles
  - Volume e faturamento do complexo de soja sero menores em 2019
  - China: governo anuncia poltica para impulsionar crescimento do setor agrcola
  - Soja: Colheita atinge 32% da rea projetada para 2018/19
  - Faturamento de cooperativas agrcolas equivale a 18% do PIB do PR
  - Previso para safra de soja do Brasil cai mais; mercado monitora RS e Matopiba
  - Governo mantm subsdio do agronegcio na energia
18/02/19 - PIB do agro registrou estabilidade em novembro de 2018
  - J vai? cedo
  - Colheita menor deve ter impacto na balana comercial brasileira
Para enviar a notcia, basta preencher o formulrio abaixo.
Todos os campos so de preenchimento obrigatrio!
 
Preos de produtos agropecurios devem se manter em baixa, diz FAO
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatrio:
E-mail destinatrio:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentrio:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa Histria
• Misso, Viso e Objetivos
• Trofu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Contatos
Institucional

• Comits de Gesto
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Comits de Gesto
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Frum de Implementao Tecnolgica
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminrio UDOP de Inovao
Imprensa

• Agncia UDOP de Notcias
• ltimas Notcias
• Frum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mdias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produo Brasileira
Servios

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendrio de Eventos
• Guia de Empresas
• ndice Pluviomtrico
• Pesquisas UDOP
• Previso do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrogrficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados

POLÍTICAS DE PRIVACIDADE
Desenvolvimento:
/